LIBRAS – Língua Brasileira De Sinais

mini apostila criada por mim...um resumão espero que gostem....




LIBRAS – Língua Brasileira De Sinais


Lei nº 10.436, de 24 de abril de 2002



LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS

• Não é universal.

• É uma língua de modalidade gestual-visual.

• Regras gramaticais padronizadas na conversação e difere de uma região para outra.

• Tem sinais concretos e abstratos, simples e compostos. ex. lápis e ódio, cadeira e boneca.

• Os sinais correspondentes dos verbos são apresentados em 3 tempos básicos: passado, presente e futuro que podem ser substituídos por outros: agora, antes, já, amanha...

• Tem sinais pessoais que identificam a pessoa e o sexo.

• Também encontramos expressões idiomáticas, que não são frases iguais as nossas.




ALFABETO MANUAL

Enfoque teórico:

• Conjunto de sinais que correspondem às letras do alfabeto.

• Ao uso do alfabeto manual da se o nome de datilologia ou soletração digital.

• Letras palma da mão para frente. Números palma da mão para trás.
Sistematização: Música O abecedário da Xuxa







PARÂMETROS NA LÍNGUA DE SINAIS

Enfoque teórico:

• Formado com a combinação do movimento das mãos com um determinado formato em um determinado lugar.

• As configurações das mãos (alfabeto manual, ou outras formas) feitas pela mão predominante ou pelas duas mãos. Ex: Aprender, laranja e adorar.

• Pontos de articulação é o lugar onde incide a mão. Ex: Deus, aprender, pensar.

• Os sinais podem ter movimento ou não Ex: em pé, alegria.

• Os sinais podem ter uma direção e a inversão idéia de oposição. Ex: querer e não querer, gosto e não gosto, ter e não ter, pode e não pode.

• Expressão facial e corporal: Tem como traço diferenciador também a expressão corporal e facial. Ex: alegre e triste. Há sinais feitos somente com a bochecha. Ex. ladrão e sexo. Os sinais NÃO podem ser feitos dissociados da expressão facial.



Sistematização: Teatro da história “O sapo e o boi”

Projeto as Fábulas em LIBRAS





Há muito, muito tempo existiu um boi imponente. Um dia o boi estava dando seu passeio da tarde quando um pobre sapo todo mal vestido olhou para ele e ficou maravilhado. Cheio de inveja daquele boi que parecia o dono do mundo, o sapo chamou os amigos.



– Olhem só o tamanho do sujeito! Até que ele é elegante, mas grande coisa; se eu quisesse também era.



Dizendo isso o sapo começou a estufar a barriga e em pouco tempo já estava com o dobro do seu tamanho normal.



– Já estou grande que nem ele? – perguntou aos outros sapos.



– Não, ainda está longe!- responderam os amigos.



O sapo se estufou mais um pouco e repetiu a pergunta.



– Não – disseram de novo os outros sapos -, e é melhor você parar com isso porque senão vai acabar se machucando.



Mas era tanta vontade do sapo de imitar o boi que ele continuou se estufando, estufando, estufando – até estourar.





Moral: Seja sempre você mesmo.



CLASSIFICADORES

Enfoque teórico:

• Representação pelas mãos da imagem mental tornando possível a visualização.

• Classificador descritivo: tamanho e forma. Ex: Vaso, vestido, mesa.

• Classificador Especifico: tamanho e forma de pessoas ou animais, bico de aves, cão, pé.

• Classificador parte do corpo: Retrata uma parte especifica do corpo. Ex. Boca de hipopótamo, rabo de um cachorro.

• Classificador locativo: Retrata o lugar de um objeto em relação a outro objeto. Ex: futebol, chão onde caiu um lápis.

• Classificador semântico: Objeto representado no concreto e no abstrato. Ex: copos na prateleira de um armário, duas pessoas andando.

• Classificador do corpo: a parte superior do copo se tornar o classificador: ex: acenar a mão para alguém.

• Classificador instrumental: mostra como se usa algum objeto. Ex: gaveta, janela, cortina, porta.



Sistematização: Música: Bom dia, boa tarde e boa noite.



CORRENTES COMUNICATIVAS

• Oralismo: integração do surdo na comunidade de ouvintes. Surdos oralizados são aqueles que desenvolveram habilidades em linguagem oral.

• Comunicação total: utilização de total e qualquer forma de comunicação.

• Bimodalismo: uso simultâneo de duas línguas de modalidades diferentes.

• Bilingüismo: Uma pessoa dominar duas línguas e suas culturas.





SINAIS NA ESCOLA




clique na imagem para ampliar


































Saiba mais



www.feneis.com.br

www.libras.org.br

http://www.ines.org.br/

www.entreamigos.com.br (Rede de Informações sobre Deficiência)

www.mj.gov.br/webcorde.htm

www.mec.gov.br

www.saci.org.br

http://www.legendanacional.com.br/

http://www.jornaldosurdo.com.br/

Dicionário LIBRAS Ilustrados – grátis libras@sp.gov.br

http://www.acessobrasil.org.br/libras/

0