DINÂMICA: E A CANOU VIROU



DISCRIMINAÇÃO

Nossos relacionamentos devem ser dedicados, sinceros, altruístas e submissos.
Acepção: favoritismo, parcialidade, distinção, preferência condicional.
O Deus imparcial mostra a todas as pessoas o mesmo amor, graça, bênçãos e benefícios de sua salvação. Devemos ser exemplo de Jesus, ter o mesmo amor com todas as pessoas, sem parcialidade. Amar fervorosamente o próximo.

DINÂMICA: E A CANOU VIROU


Objetivo: Discutir a natureza do preconceito e maneiras pelas quais discriminamos ou não alguém.
Baseado em: Romanos 2.11
Tempo: 40 minutos

O que você deverá fazer:

1.      Formar grupos de 4 (quatro) a 5 (cinco) participantes.
2.      Apresentar ao grupo a seguinte situação:
“Cada grupo está em um barco em alto-mar. O barco bate em um recife e pode afundar a qualquer momento. Vem um barco salva-vidas que tem capacidade de transportar todas as pessoas menos uma. Por isso, cada grupo vai excluir um membro, baseado em critérios decididos e aceitos pelo grupo”.
Tempo: 15 minutos

3.      Quem for excluído ficará em lugar da sala pré-fixado e discutiram os critérios utilizados para a exclusão e o sentimento de ser excluído.
4.      Os não excluídos discutirão o que sentem ao terem de excluir alguém do grupo e definir os critérios de exclusão.

Pontos para discussão:
a)      Como interagem as pessoas excluídas e as pessoas que excluem?
b)      Quais os sentimentos evidenciados pelos excluídos?
c)      Como o grupo se sente ao ter de excluir alguém?
d)     Como é estar em grupo novo? E como recebemos participantes novos em nosso grupo?








0